Coleção Outono/Inverno 2014 : Cris Barros

/
0 Comments


Cris Barros foca no período entre guerras em Berlim, com aboemia decadente dos cabarés, pra fazer um outono-inverno 2014 cheio de peças-desejo. Mas tem mais inspirações nesse balaio: a coleção é uma espécie de circuito que passa pela artista Anita Berber (que fazia performances nos cabarés com um macaquinho no ombro), com a pintura “Minnewaska Lodge (Blaze Lamper)” da artista americana Hope Gangloff, e chegando no Broad Art Museum, que no momento está recebendo uma exposição de Hope e cuja arquitetura é um projeto de Zaha Hadid. Cada passo desse circuito inspirou algo, passando ainda por Bauhaus (especialmente em algumas formas, nas peças bi e tricolores e nos acessórios).
Entre os destaques estão os plissados onipresentes (melhor ainda quando ele na verdade são faixas aplicadas na transparência, ou quando plissadinhos formam faixas que se encontram em uma textura que aparece no meio de um vestido, ideia tirada da fachada no Broad Art Museum); a “bermídi“, uma saia-bermuda mídi; a sobreposição do vestido com a calça de alfaiataria, as franjas; as releituras de jaquetas bombers e moletons em tecidos finos; as pérolas que aparecem em detalhes de vestidos e em sapatos; as transparências sedutoras; o sutiã feito pra aparecer na cava reveladora e no decote profundo das costas. Por fim, pra tirar uma onda com as românticas, a estampa de flores carnívoras! Nhac.








Texto: Jorge Wakabara



You may also like

Nenhum comentário:

Grupo Apparence 2016. Tecnologia do Blogger.